6 de junho de 2018

...




(imagem retirada da net)

30 de maio de 2018

Ana Moura - Caso Arrumado

Compositores: Manuela De Freitas / Pedro Rodrigues



21 de maio de 2018

...


Imagem retirada da Internet

17 de maio de 2018

Manual de Pessoas II


Resultados obtidos através de amostra retirada do Facebook!
Este estudo, vasto e prolongado, concluiu que existem 3 tipos de pessoas, que apesar das diferenças no comportamento, têm em comum um factor.
1) Os “não te esqueço”: Publica frequentemente fotografias, ou vídeos ou imagens e escreve uma mensagem sentida sobre a falta que aquele ente querido faz, após a sua morte, em que já lá vão uns 10 anos, mas parece que a pessoa acabou de partir, é que entretanto ainda não houve outra perda, e tem de se valorizar muito aquela… pois doeu muito, muito, ainda dói e o mundo tem de saber.
2) Os “já te esqueci”: Publica mensagens pelo menos uma vez por dia para atingir o Ex ou “o quase fui alguma coisa na tua vida, mas sinceramente nunca quis” para demonstrar que está nem aí e lançar o boato de que já existe outra pessoa e que se não correr fica a perder porque está quase, quase, quase a esquecer. Entretanto tem uma recaída e ganha 300.000 esperanças de que estão destinados a ficar juntos e percebe literalmente que existe um sentimento muito forte, apesar de o outro voltar à sua vida no dia seguinte e só voltar ao contacto um mês depois, estranhamente a uma hora em que se está a dormir…e durante esse mês de ausência, ou não, publica-se no Facebook, para além das ditas mensagens, músicas, muitas músicas que definem se entretanto houve uma noite memorável ou se não lhe põe não sei o quê em cima há mais de um mês…no entretanto já se passaram 5 anos e a pessoa continua a dar a entender que já avançou…ou que está muito feliz…ao género bipolar.
3) Os “sou muito independente”: falamos aqui das pessoas que são o número 3 da relação, que vivem na fantasia de que o seu amor é proibido, e que não se importam de esperar porque sentem que um dia serão recompensadas. Mesmo que isso signifique que passem o dia de aniversário, natal, páscoa, férias, ano após ano, sempre sozinhas. Que nunca tenham filhos e que ao fim-de-semana não tenham com quem partilhar o que quer que seja. Que publicam estas pessoas?: “Prefiro estar só do que mal acompanhada” "Sozinha, mas muito feliz" e frases do género; Muitas fotos sobre livros, sobre bibliotecas, as que aspiram a ter em casa porque são apaixonadas por livros…Muitas fotos de si mesma, sempre a sorrir, sempre bem acompanhada, sempre a passear e com o fotoshop ao ponto de por vezes acharmos que estão com icterícia.
O que têm estes 3 tipos de pessoa em comum: uma necessidade imensa de ser amadas…

15 de maio de 2018

Acerca da canção que ganhou a Eurovisão 2018

"I don't want to live on this planet anymore"

14 de maio de 2018

...





Imagem retirada da Internet

7 de maio de 2018

Facto


Sobrinha: Tiaaaa, o teu telefone está a tocar porquê?

Eu: Olha porque alguém me está a ligar, não?!

Sobrinha: A ti?? Ah deve ser a tia.

Eu: Pois! Tristeza!