27 de setembro de 2017

Arthur Schopenhauer


“(...) todo enamoramento, depois do gozo finalmente alcançado, experimenta uma estranha desilusão e se surpreende de que aquilo que tão ardentemente desejou não ofereça nada mais do que qualquer outra satisfação sexual (...)"
Autor: Arthur Schopenhauer
Nem sempre, nem sempre, ... mas cada um com as suas ideias.

15 de setembro de 2017

Matar o Amor

É quando sentes que não estás bem em sítio nenhum.


14 de setembro de 2017

13 de setembro de 2017

Conversas


Ele: Olá, blá, blá, blá, vamos combinar um jantar, vou ver com a respectiva e depois digo-te. Aproveitamos para contar as novidades.
Eu: Está bem. Novidades? Tens novidades? Contaaa-me.
Ele: Eu? Não tenho (ria-se)
Eu: Tens, falaste em novidades, que novidades?
Ele: Tu não tens novidades? Eu não tenho.
Eu: Eu não, tu é que falaste em novidades…mas pronto vê lá a data e diz-me. Beijinhos.
(conversa de malucos)

Matar o Amor

É quando sentes que ainda arranjas uma doença por sufocares tanto sentimento dentro de ti.




11 de setembro de 2017

Sabedoria Popular


"De pescadores e viúvas

És, São Pedro, protector!

Olha que as divorciadas

Também querem um amor!"

 

"Se São Pedro me ajudar,

Solteirinha é que eu não fico!

Pois por certo hei-de arranjar

Quem me regue o manjerico"

5 de setembro de 2017

Pedido

Moços, não usem os óculos de sol na cabeça.
Isso é um bocado coiso.